Nostalgia

Abusada <3

Sou o café que esfriou. O sorvete que derreteu. A criança que não cresceu. O adulto que não envelheceu. O balão que estorou. A folha que rasgou. O sonho que você esqueceu. A palavra que não usou. O vidro que quebrou. A lágrima que escorreu. O sorriso que brilhou. A poeira que não tirou. O vento que não soprou. Sou o quarto que não arrumou. O lençol que não dobrou. O livro que não leu. Sou o seu coração, a sua mente. Sou o que sou. Na realidade, não sei quem sou.
Livros são mais confiáveis do que pessoas.
- Renata Garcia  (via garoto-sz)

cmbsff:

Então dorme, anjo. Não vale a pena preocupar-se por tão pouco.

Ás vezes é necessário excluir pessoas, apagar lembranças, jogar fora o que machuca, abandonar o que nos faz mal, se libertar de coisas que nos prendem.. Espere sempre o melhor, prepare-se para o pior e aceite o que vier. Ouse, arrisque, não desista jamais e saiba valorizar quem te ama, esses sim merecem seu respeito. Quanto ao resto, bom, ninguém precisou de resto para ser feliz.
- Pedro Bial.    (via inevavel)

De conversa em conversa a gente vai se apegando.

Só quero dizer que você é minha coisa mais favorita do mundo.
- Gabito Nunes.   (via reatou-se)
Todo mundo tem suas carências, todo mundo é humano, todo mundo sente. Uns sentem mais, outros menos, alguns quase nada, mas sentem. Podem adorar ser livre de noite na balada, no barzinho com os amigos, mas pelo menos antes de dormir, ser livre pesa.
- Tati Bernadi. (via hisyet)
Eu quero ir embora. Solta meu braço. Me deixa passar.
— Já deixei uma penca de amores passar. Não pretendo fazer o mesmo contigo.
— Eu não sou seu amor. Nem nunca vou ser. Larga meu braço.
— Há controvérsias, mas tudo bem. Pode ir. Vamos ver até onde você vai antes entrar nesse mesmo prédio, subir as escadas até o mesmo andar, bater na mesma porta.
— Não conte com isso. Não cultive grandes esperanças. Eu quero andar com os pés no chão. Numa areia que não me queime os pés. Cansei dessa vida movediça. Chega de romance de prosa e verso. Você é muito denso, muito profundo. Eu preciso de um homem de verdade.
— Tudo bem. Pronto, já te soltei, a porta está aberta. Vai. Pode ir. Anda. Vá atrás do seu homem de verdade. Amores de plástico te esperam. Sorte, garota.
- Gabito Nunes.  (via acumulou)
Vem comigo, não há lugar mais seguro que ao meu lado. Deixa eu mimar você, prometo cuidar. Me dê a mão, temos tantas coisas à compartilhar. Não há duvidas, ao seu lado é meu lugar.
- Petrovic.  (via wured)

CDS